ESPLENDORES shelAHAvellar

O porta-retrato caiu.

O vidro partiu.

Deus o tenha.

O estilhaço atiçou

Esplendores .

Riso de centauras

Em bocas de romãs

Atirando setas pro espaço,

Em terra de visigodos

E momentos de Babel.

Engulo engodos

E vomito lírios

Em cicatrizes de papel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *